Reminiscências- parte 2

2 de fev de 2011














Foi a Bete quem mandou os e-mails nos convidando para uma reunião entre os antigos amigos. Mas será que podemos realmente nos chamar assim? Amigos! Eles ficaram sepultados no meu passado: o sorriso de Clara, o olhar perturbador de Douglas, a gargalhada de Fernandinha, a agitação de Felipe e... o mistério de Bete. Nunca consegui decifrá-la. O que ela sabia sobre o nosso passado? Por que ela não tira os olhos de mim? Eu não devia ter vindo. Talvez eu só não esteja mais incomodado do que o Felipe.

- Não poderei ficar por muito tempo. Vocês sabem...negócios.
- Nem parece o Felipe falando. Nunca imaginei ver você de terno.
- As coisas mudam, Clara. Você também mudou, embora não perceba.

Os dois se olham tão profundamente que Douglas fica incomodado. Será que ele sabia? Duvido que ela tenha contado. Ela me disse que nunca contaria. Mas Douglas sempre desconfiou, eu sei disso.
-Por que tão calado, Roberto?
É Bete quem me pergunta. Não sei se estou preparado para responder.

continua...

0 comentário(s):